segunda-feira, 28 de março de 2016

Minhas leituras, críticas e comentários. (Abuso e abandono) 28-03-2016


Olá, boa tarde.

A cada dia que passa, os nossos políticos ficam mais "ladinos". Em Porto Velho/Rondônia, esses "prá lamentares", que não são nada além disso, para lamentarmos mesmos, eles, com suas "astúcias",
tiveram o disparate de aumentarem o valor de seus vencimentos, para mais de quatorze (14.000,00) mil Reais, em uma "paulada" só. Sequer, tiveram o cuidado, de ao menos consultarem os seu "patrões", o "POVO", se estes, estavam em condições de elevar os seus vencimentos à esse patamar. Evidente, que cada "ação", nos remete à uma "reação" e, essa, de forma alguma, deverá ser diferente. Em breve, ou pouco espaço de tempo, você, "POVO", será "C O N V  O C A D O"  a se manifestar à respeito, não se furte à isso.
  Hoje, o salário de um vereador em Porto Velho é de R$ 12.795,80, com o benefício, saltou para R$ 14.763,78, retroativos à dezoito (18) meses ou seja, ano e meio atrás, evidentemente, que os vereadores devem receber por seus serviços, nada mais justo. O que não é justo, é que o nosso município, está atravessando, uma das maiores crises financeiras (de acordo com o prefeito) de abandono do século. Seu administrador, o Dr. Mauro Nazif, do PSB (40), juntamente com sua equipe de "abnegados" colaboradores, sequer estão se lixando para a população e para o que está acontecendo em nossa capital. Neste domingo (27/03), por volta das vinte e três (23) horas, caiu uma forte chuva na cidade,não fui uma "torrente", foi uma chuva típica de final de inverno amazônico, más foi o suficiente, para realizar transtornos e prejuízos à uma parcela considerável da sociedade. Foi o bastante, para bairros da periferia e, até mesmo algumas localidades mais centrais, sofressem o tão já famosos "ALAGAMENTO". Percebe-se que o pouco caso, não é coisa de o senhor prefeito se preocupe muito. O saneamento básico, o transporte coletivo, a coleta de lixo, o asfaltamento de vias públicas, o melhoramento do salário do pessoal da área do ensino, que por sinal, se encontram em "greve", enfim, ele não dá a menor "bola" para o que está acontecendo. Sequer, esboçou uma ação, para não conceder o aumento aos seus "séquitos", seus fiéis "escudeiros" da câmara municipal. A cidade de Porto Velho/Rondônia, teve diversas casas alagadas, isso, em todas às regiões da cidade, uma vergonha, uma lástima, um sofrimento sem tamanho para às famílias atendidas e, sequer, a defesa civil emite uma nota, de ao menos "pesar", para confortar a população atingida pelas chuvas.

Esse ano, como todos sabem, nós teremos eleições majoritária e a proporcional. Caberá à nós eleitores de nossas cidades, começarmos a fazer a transformação que queremos em nosso pais, estados e em nossas cidades. Só podemos começar pelo "alicerce", não devemos transformar uma casa pelo seu "telhado", o momento da mudança, será no próximo dia dois (02) de Outubro, nas urnas.
Se te oferecerem dinheiro, pegue, veja se consegue gravar, filmar ou mesmo, uma ou mais testemunhas, chame a polícia e mande prender estes bandidos que tentam "SUBORNAR" a consciência dos eleitores, não aceitem, que estes indivíduos transforme nossa cidade em um quintal de suas residências. Vamos mudar toda sta câmara municipal, não vamos votar em quem esteja no "MANDATO", eles já nos provaram, que são incompetentes, para agirem com suas atribuições constitucionais. Nosso país, hoje, está se transformando, ele precisa de cada um de nós e, cabe somente à nós eleitores, fazermos a mudança que todos queremos e precisamos. (fotos, foram extraídas da internet)

Pedro Francisco
Jornalista
1.297-RO/BR.
 

Um comentário:

Carlos Caldeira disse...

Caro amigo Pedro Francisco, como sempre você foi preciso em seu texto.
Não vou me alongar no comentário, mas o interessante seria que os nossos eleitores tivessem essa consciência que você quer passar para todos nós.
Infelizmente nem todo o nosso eleitorado está preocupado com a legalidade da coisa e nem com o bem estar de nossa cidade, e sim com seu próprio bolso.